SMART SUMMIT

Taylor Swift: o fenómeno e as 6 grandes lições de Marketing

Taylor Swift na estreia do filme TAYLOR SWIFT - THE ERAS TOUR
Facebook
LinkedIn
Email
WhatsApp

Indíce


À medida que se aproximam os primeiros concertos de Taylor Swift em Portugal, a emoção está no ar. Com menos de um mês para o grande dia, o entusiasmo é evidente, antecipando a chegada da icónica cantora ao país. Mas, na verdade, nem só de música vive a carreira do fenómeno Taylor Swift. As suas táticas inovadoras de marketing também dão que falar.

Assim, Taylor não conquistou apenas a indústria da música, mas também estabeleceu um novo padrão de marketing. Estamos, portanto, no momento perfeito para explorar as valiosas lições que podemos aprender com a habilidade de marketing de Taylor Swift.

Junte-se a nós enquanto descobrimos seis estratégias-chave inspiradas na jornada de sucesso de Swift e aprenda como aplicá-las na sua própria estratégia de marketing para obter o máximo impacto.

Call It What [They] Want: experiências centradas nos Fãs

Que é como quem diz – concentre-se no seu público.

A comunidade de fãs da Taylor Swift, conhecida como “Swifties”, demonstra o poder de construir uma comunidade em torno da sua marca. Ponto assente: a cantora conhece os seus fãs, conseguindo, assim, as melhores estratégias para se envolver com eles num nível mais pessoal. Aliás, segundo a Marketeer, “a cantora investe ativamente em relações profundas com os seus fãs através de símbolos e pistas para a criação de universos (Easter Eggs) tecidos nas suas letras, vídeos e publicações nas redes sociais.”. A verdade é que ela interage frequentemente com os fãs, partilha histórias pessoais e até organiza sessões de audição ou eventos para os fãs. Este envolvimento ajuda a cultivar uma comunidade de fãs leais, promovendo um sentimento de pertença e lealdade que se estende muito além da sua música.

As marcas podem adotar esta abordagem priorizando o envolvimento do cliente, respondendo ao feedback e criando conteúdo que ressoa com o seu público-alvo.

O fenómeno da intriga e especulação: Shake [Them] Off

A Taylor adora realmente mensagens escondidas e “Easter Eggs”. Isto é, dicas e mensagens ocultas sobre próximos lançamentos ou curiosidades da sua vida pessoal. É frequente usá-las, tanto na sua música como nas redes sociais, criando entusiasmo e antecipação entre os seus fãs. Ou seja, mistério, puzzles, insinuações, lançamento de pistas, mensagens escondidas e referências subliminares, constituem um verdadeiro jogo que permite gerar todo um buzz em redor de Taylor e manter os seus fãs ativamente envolvidos.

O site No Good destaca, por exemplo, os créditos da curta-metragem “All Too Well”, onde aparece um “Jake Lyon”. Contudo, traduz-se como “Jake’s lying”(“O Jake está a mentir”) e é uma referência ao seu relacionamento com Jake Gyllenhaal, que inspirou a música.

Créditos no fim do vídeo da música All to Well, fonte No Good

Isto é todo um novo mundo para as marcas, que podem adotar táticas semelhantes, já que gerar curiosidade nas campanhas de Marketing vai, com certeza, deixar o seu público sedento por mais!

Identidade da marca: Look what you made me do!

A disposição de Taylor Swift em enfrentar a crítica de frente e incorporá-la na narrativa da sua marca destaca-a como uma figura autêntica e relacionável.

Neste caso, a Agência de Marketing Avenue referiu que “por exemplo, a música Mean foi inspirada numa crítica que recebeu após sua performance no Grammy Awards de 2010, com Stevie Nicks. “Assim como a música Look what you made me do”, que claramente marca a posição da cantora relativamente a críticas. Ou seja, Taylor usou essas críticas e confrontos como combustível para sua arte e criou piadas internas para seus fãs.

Ao abraçar o feedback e transformar críticos em aliados, Taylor humaniza a sua marca e, claro, fortalece a relação com o público.

Também as marcas podem seguir o exemplo, ao reconhecer e abordar a crítica construtivamente, demonstrando o seu compromisso com a melhoria contínua.

Conte a sua [Love] Story mais autêntica

No centro do sucesso de Taylor está, também, a sua capacidade de contar histórias cativantes. Porquê? Porque estas histórias ressoam com as audiências num nível pessoal.

Ao partilhar as suas próprias experiências e vulnerabilidades, a cantora cria um senso de autenticidade que a torna querida pelos fãs.

Este é um conceito já várias vezes referido para as marcas. O Storytelling, e a capacidade de criar empatia ao abraçar o lado humano da marca, é uma abordagem genuína. E, claro, o público tende a identificar-se com a narrativa.

Mastermind: deixe o seu propósito orientá-lo

O compromisso da cantora em usar a sua plataforma para uma mudança positiva destaca a importância de alinhar a sua marca com um propósito mais elevado.

Ao defender causas que importam, ela não marca apenas uma diferença no mundo, mas também fortalece a identidade e relevância da sua marca.

Sem dúvida, as marcas podem encontrar inspiração no exemplo de Taylor, ao identificar causas que se alinhem com os seus valores e alavancar a sua influência para impulsionar uma mudança significativa.

Mudança e inovação: Are you ready for it?

Talvez uma das mais importantes: a disposição de Taylor em abraçar a mudança e a inovação tem sido fundamental no seu sucesso. Não só a sua música desafia géneros, como as suas estratégias de marketing são pioneiras, constantemente forçando os limites da criatividade e reinvenção.

Ora, as marcas podem seguir o exemplo ao abraçar novas tecnologias, tendências e abordagens para permanecerem na vanguarda e manterem a relevância num ambiente em constante evolução.

Ao abraçar o envolvimento dos fãs, promover a curiosidade e permanecer fiel ao seu “eu” autêntico, Taylor Swift solidificou o seu estatuto como uma mestra do marketing.

Parabéns! Se chegou a este ponto, provavelmente está a tornar-se num (Marketing) #Swiftie! Ou, pelo menos, pode desbloquear novas oportunidades de crescimento, envolvimento e lealdade à sua marca com a ajuda da cantora.

Que o legado de Taylor Swift nos inspire a inovar, evoluir e deixar a nossa marca no mundo do marketing.

Fonte da Imagem: The People

Patrocinar Smart Summit

Ajude a fomentar o empreendedorismo nos Açores. Deixe o seu interesse e enviamos as condições para patrocinar o Smart Summit

Attendee Smart Summit Lagoa 2024

Não perca a oportunidade e participe no Smart Summit Lagoa 2024. Inscreva-se Gratuitamente!