SMART SUMMIT

CanSat: Um satélite dentro de uma lata de refrigerante? Chega aos Açores e pretende ficar 

Facebook
LinkedIn
Email
WhatsApp

Indíce

A intenção é que esta seja a primeira de muitas edições do CanSat Junior Açores, um concurso que estimula estudantes do 3º ciclo a criar satélites do tamanho de uma lata de refrigerante. Representa um potencial precursor para o lançamento do CanSat entre os participantes mais experientes na região. 

O projeto estreou na região, desafiando alunos do 3º ciclo a criar satélites do tamanho de uma lata de refrigerante. Na final regional em Santa Maria, cerca de 100 alunos e professores participaram das 13 equipes das sete ilhas açorianas.

De acordo com Duarte Nuno Cota, Vogal da Estrutura de Missão dos Açores para o Espaço, destaca a importância dos números nessa iniciativa. No entanto, é a primeira vez que o projeto ocorre na região, seguindo um formato simplificado do CanSat original da ESA.

Origem da ideia

Essa ideia surge do êxito da iniciativa nacional CanSat Júnior do ESERO Portugal, Visa desenvolver um ambiente educativo e cultural propício à formação de açorianos altamente qualificados nas áreas relacionadas ao setor espacial. 

A adesão ao CanSat Júnior Açores superou as expectativas, destacando-se a participação significativa de alunos e a organização de eventos relacionados ao CanSat no arquipélago. 

As vantagens desse projeto concentram-se na divulgação da educação e cultura científica espacial, alinhadas com a Estratégia dos Açores para o Espaço. Busca-se criar oportunidades de acesso a projetos na área das tecnológicas e científicas atrativas, com orientação vocacional associada. É importante ressaltar o consenso internacional sobre o impacto positivo desse tipo de iniciativa em jovens estudantes. 

Em suma, tendo em conta o sucesso desta edição experimental espera-se que esta impulsione as futuras edições do CanSat no ensino secundário nos Açores, com a presença de mais participantes.

Origem do CanSat Júnior Portugal

Primordialmente conhecido como CanSat Júnior, é um projeto educativo do ESERO Portugal em parceria o com a Ciência Viva e apoio da Agência Espacial Europeia. Contudo, o Seu objetivo é motivar alunos do 3º ciclo a participar de um projeto espacial “real”. Durante quase um ano letivo, eles constroem um pequeno satélite com antena, bateria e sensores para comunicação com a base após o lançamento.

O CanSat Júnior envolve a construção de um satélite capaz de se comunicar com a base após o lançamento em determinada altitude. Preparando os jovens para competições futuras, o projeto alinha-se com o currículo do 3º ciclo.

Além disso, as equipas devem projetar um CanSat Júnior que sobreviva ao lançamento, realize uma missão científica durante a descida, transmita dados para um computador em solo e aterrisse com segurança.

Porém, o desafio ocorre em etapas ao longo do ano letivo, incluindo a construção de um paraquedas eficaz e a implementação de equipamentos técnicos (hardware e software), como um sistema de comunicação.

Fonte: SapoTEK

Veja os meus outros artigos aqui.

Patrocinar Smart Summit

Ajude a fomentar o empreendedorismo nos Açores. Deixe o seu interesse e enviamos as condições para patrocinar o Smart Summit

Attendee Smart Summit Lagoa 2024

Não perca a oportunidade e participe no Smart Summit Lagoa 2024. Inscreva-se Gratuitamente!