SMART SUMMIT

Euribor

Facebook
LinkedIn
Email
WhatsApp

Indíce

Certamente já ouvi-o o conceito associada à concessão de crédito. Talvez até tenha sentido na pele os efeitos da subida da Euribor, no aumento da prestação da casa, por exemplo. Mas porque isso acontece? O que é a Euribor? Como influência na vida financeira de tantas pessoas?

O que é?

A European Interbank Offered Rate ou Euribor como é mais conhecida é uma taxa de referência baseada na média dos juros praticados por um conjunto de bancos da zona euro, nos empréstimos que fazem entre si, num determinado prazo.

Também os bancos apresentam necessidades de financiamento à semelhança das empresas e das famílias. Como tal, existe uma taxa de juro precisamente para esses empréstimos.

Este é definido diariamente pela Federação Europeia de Bancos, a vários prazos, nomeadamente, uma semana, um mês, três meses seis meses e 12 meses

Quais as previsões?

O Banco Central Europeu (BCE) alertou que a taxa de juro deverá subir mais duas vezes este ano. Sabe-se ainda que a Euribor é atualmente nos 4%. Sendo que, os aumentos do BCE podem ser de 0,25 pontos base. Como tal, suponha-se que a Euribor suba possivelmente até aos 4,5% até ao final do ano.

Caso tenha um spread de 1%, isso traduz-se em 5,5% de juro a pagar ao banco, por vários meses, mais o seguro de vida. O que representa um aumento de algumas centenas de euros mensais comparativamente ao que pagava há um ano. Por outro lado, se a Euribor for a 12 meses e a sua renovação acontecer no pico da Euribor, isto significa um gasto suplementar com o crédito à habitação de vários milhares de euros no próximo ano.

As espectativas são que pico da Euribor seja janeiro de 2024. Porém, não se sabe se irá ultrapassará os 4,5%. No entanto, prevê-se que após janeiro, as várias taxas Euribor comessem a descer, de acordo com os especialistas. Em 2024 e 2025 deverão a rondar os 3,5%. A tendência de descida até chegar talvez aos 2,75% em 2026. Sendo que, espera que permaneça nesse patamar com alguns altos e baixos até 2030.

Estas previsões sevem como um guia, mas não estão isentas de oscilações.

Como o aumento da Euribor influência as famílias?

Se a Euribor sobe, os empréstimos que apresentam uma taxa de juro variável ficam mais caros. Consequentemente, a prestação mensal fica mais cara. Apesar, de a euribor não ser estabelecida pelo BCE, as oscilações nos juros que este cobra para emprestar dinheiro aos bancos comerciais, as denominadas taxas diretoras, provocam uma alteração na Euribor. 

De acordo com, o Banco de Portugal, em 2022, 169 mil pessoas contrataram crédito à habitação, mais duas mil do que em 2021. Ou seja, a nova subida das taxas diretoras pelo regulador europeu vai continuar a ter impacto nos créditos habitação em Portugal.

Devido as circunstâncias atuais, já se começa a constatar alterações no mercado português. Nomeadamente:

  • Dificuldade em aceder ao crédito habitação: Devido ao aumento das prestações da casa e pela taxa de esforço que considera o teste de stress de 3%, o que cria uma barreira a adquirir crédito de habitação);
  • Aumento das amortizações antecipadas no crédito habitação: O Governo eliminou as comissões e impostos à amortização antecipada dos créditos a taxa variável e permite o resgate do Plano Poupança Reforma (PPR) para pagar a prestação ou amortizar o empréstimo. Isto tudo, baixa as prestações da casa ou acaba com a dívida à banca);
  • Mudança na tendência da procura de crédito habitação: Agora as famílias estão a comprar casas mais baratas, a pedir créditos habitação de menor valor, a dar um maior valor de entrada no empréstimo e a optar cada vez mais por taxas mistas;
  • Adaptação na oferta de crédito habitação: Os bancos adaptam a oferta para atrair clientes, por exemplo, baixando o spread para créditos de risco médio ou criar ofertas de taxa mista mais atrativas;
  • Aumento da renegociações dos créditos habitação: Esta tendência verifica-se, por si só, pela dificuldade em pagar a prestação da casa pela subida dos juros, mas também o Governo lançou novas regras incentivar a renegociação.

Fontes: Caixa Gera de Depósitos, Doutor Finanças e Idealista

Patrocinar Smart Summit

Ajude a fomentar o empreendedorismo nos Açores. Deixe o seu interesse e enviamos as condições para patrocinar o Smart Summit

Attendee Smart Summit Lagoa 2024

Não perca a oportunidade e participe no Smart Summit Lagoa 2024. Inscreva-se Gratuitamente!