SMART SUMMIT

Flattie, o capacete sustentável

Facebook
LinkedIn
Email
WhatsApp

Indíce

Já pensou num capacete sustentável feito de cortiça? Flattie é um capacete que cumpre com estes requisitos e muito mais.

Em setembro deste ano, a Dyson anunciou que o vencedor da primeira edição do Prémio James Dyson em Portugal foi Gabriel Serra, designer industrial e estudante de doutoramento em Engenharia Mecânica na Universidade de Aveiro, responsável pelo inovador e sustentável projeto, Flattie.

Do que se trata este projeto?

Flattie é um capacete sustentável que se destaca pela facilidade de transporte e armazenamento, pensado para utilizadores de bicicletas e outras soluções de micromobilidade. Gabriel Serra partilhou como a ideia surgiu e quais são os planos futuros para este projeto inovador.

Flattie – capacete sustentável;

Gabriel Serra recebeu um prémio de 5.700 euros pelo primeiro lugar no James Dyson Award. Um reconhecimento que irá contribuir para o aperfeiçoamento contínuo do design do Flattie.

Como surgiu o Flattie?

A ideia para o Flattie surgiu da necessidade de tornar os capacetes mais convenientes para utilizadores de bicicletas e outros veículos de micromobilidade, como trotinetes elétricas. O aumento da popularidade desses meios de transporte nas áreas urbanas e o consequente aumento de acidentes graves com lesões na cabeça motivaram a criação deste projeto. Além disso, a falta de alternativas sustentáveis no mercado para capacetes tradicionais feitos de EPS (espuma) e polímero rígido chamou a atenção de Gabriel Serra.

Qual (ou quais) o(s) maior(es) desafio(s) deste projeto?

No desenvolvimento do projeto, o principal desafio foi assegurar a funcionalidade do produto. Assim sendo, o uso da cortiça aglomerada, com 20 milímetros de espessura, como material principal, exigiu um design meticuloso para garantir que fosse seguro e resistente, sem comprometer a integridade.

Gabriel Serra acredita que, devido à falta de infraestrutura e regulamentações específicas para a micromobilidade, produtos como o Flattie são necessários. Mesmo em cenários urbanos mais seguros, quedas a 20 km/h com trotinetes elétricas podem resultar em lesões graves na cabeça. Deste modo, a segurança é fundamental, pois todos estão sujeitos a acidentes inesperados, como distrações, piso escorregadio ou obstáculos nas vias.

Receber o prémio dos James Dyson Awards em Portugal foi uma conquista significativa para Gabriel Serra, uma vez que o prémio é reconhecido internacionalmente e a competição é realizada pela primeira vez no país. O reconhecimento é um testemunho do compromisso de Gabriel com a inovação, sustentabilidade e economia circular, valores destacados pelo projeto Flattie.

O prémio será aplicado no aperfeiçoamento do design do Flattie. Inclui a aquisição de materiais, testes com utilizadores e verificações de segurança. Quanto à data de lançamento, embora haja fatores externos que podem influenciar o plano de negócios, a expectativa otimista é que o Flattie possa estar disponível no mercado no segundo semestre de 2024.

Artigo tendo por base as notícias ao minuto;

Já leu o artigo sobre “Vender de forma sustentável e sem greenwashing”? Clique aqui para saber mais!

Patrocinar Smart Summit

Ajude a fomentar o empreendedorismo nos Açores. Deixe o seu interesse e enviamos as condições para patrocinar o Smart Summit

Attendee Smart Summit Lagoa 2024

Não perca a oportunidade e participe no Smart Summit Lagoa 2024. Inscreva-se Gratuitamente!